Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Fevereiro, 2010

 

Deixo-vos as datas para a apresentação dos contos nas aulas de Língua Portuguesa.

  • António Ventura – Maria Ondina Braga, A lição de inglês – 19 de Maio
  • Anabel Avila Andrés – Fernando Namora, O rapaz do tambor – 5 de Maio
  • Carlos Enrique Pérez – Vergílio Alberto Vieira , O dia perfeito – 21 de Abril
  • Camen Alonso Martín – Sophia de Melo Breyner, O Homem – 9 de Junho
  • Cristina Tamames – Urbano T. Rodrigues, A meia hora de sol – 14 de Abril
  • Esperanza Gutierrez – José Cardoso Pires, Os caminheiros – 16 de Junho
  • Javier Fuentes Castro – Miguel Torga, O Alma-Grande – 2 de Junho
  • Jesus Mendez – Augusto Abelaira, Ode (quase) marítima – 12 de Maio
  • José Luis Riego – João Araújo Correia, As velhas são o diabo – 7 de Abril
  • Maria de Navamuel – José Gomes Ferreira, A sombra – 28 de Abril
  • Maribel – Lídia Jorge, Os dois viajantes – 24 de Março
  • Natividad González – Mário Braga, Balada – 14 de Julho
  • Olga Vasallo – Agustina Bessa-Luís, Filosofia Verde – 7 de Julho
  • Teresa Fernández – Raul Brandão, A casa de hóspedes – 23 de Junho

Qualquer dúvida ou alteração, comuniquem-me.

Read Full Post »

A semelhança entre duas línguas, a materna e a de aprendizagem, é, sem dúvida, uma vantagem para as aquisições linguísticas da uma língua estrangeira. Mas esta semelhança e a consequente proximidade escondem, não raras vezes, armadilhas de natureza diversa, que prejudicam a aprendizagem de uma nova língua.

Uma dessas armadilhas é os falsos amigos ou falsos cognatos. Falsos amigos são aquelas palavras, termos, vocábulos ou signos linguísticos que, apesar de semelhantes em duas línguas, possuem origens e significados diferentes.

No seguimento do que vem sido mencionado nas aulas de PLE, deixo-vos uma lista de falsos amigos elaborada por tradutores portugueses e espanhóis da União Europeia.

Read Full Post »

 

Tal como abordado nas aulas de Língua Portuguesa nível Intermédio, deixo-vos a Antologia do Conto Português Contemporâneo, com selecção, prefácio e notas biobibliográficas de Álvaro Salema. Dos 30 contos, terão que seleccionar dois, um dos quais será apresentado nas aulas de PLE, em data oportuna.

Na apresentação do conto na sala de aula, terão que estar contempladas, entre outras:

  • uma breve nota biobibliográfica do autor
  • um breve resumo do conto
  • um levantamento das expressões idiomáticas e sua explicação
  • um levantamento do vocabulário desconhecido
  • listagem de falsos amigos
  • a explicação do contexto histórico (se for o caso)

Todos os contos têm um acompanhamento sonoro que facilitará a leitura e prática fonética do mesmo. Por impossibilidades técnicas de partilha de ficheiros mp3 neste blog, esses registos serão facultados na aula.

Nunca será demais lembrar que a Biblioteca Virtual Camões tem este e outos livros à vossa disposição para descarregar de uma forma simples e gratuita.

Um bom trabalho a todos!

Read Full Post »

Postal humorístico alusivo à querela em torno da nova bandeira nacional

Comemora-se este ano em Portugal o Centenário da Implantação da República Portuguesa.  

“Hoje, 5 de Outubro de 1910, às onze horas da manhã, foi proclamada a República de Portugal na sala nobre dos Paços do Município de Lisboa, depois de terminado o movimento da Revolução Nacional. Constitui-se imediatamente o Governo provisório:  

  • Presidência, Dr. Joaquim Theophilo Braga
  • Interior, Dr. António José de Almeida
  • Justiça, Dr. Affonso Costa
  • Fazenda, Dr. Basilio Telles
  • Guerra, Antonio Xavier Correia Barreto
  • Marinha, Amaro Justiniano de Azevedo Gomes
  • Estrangeiros, Dr. Bernardino Luis Machado Guimarães
  • Obras Públicas, Dr. António Luis Gomes”

Do Suplemento ao Diário do Governo n.º 222  

Um século passado, a instituição da República Portuguesa será assinalada de múltiplas formas e por diferentes intervenientes. E com o intuito de assegurar que essas variadas iniciativas tenham um âmbito nacional e a necessária coordenação, foi criada a Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República, presidindo a mesma o Dr. Artur Santos Silva.

Read Full Post »

O Novo  Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa parece ser uma inevitabilidade. Por isso, temos até 2015 para nos irmos habituando às novas regras, sejamos ou não simpatizantes do tema. Alguns jornais portugueses de referência já estão a redigir de acordo com as novas regras.

Para quem não sabe o que é o Acordo Ortográfico, referimo-nos a um acordo assinado em 1990 entre os sete países de língua oficial portuguesa de então que estabelece normas ortográficas, ou seja regras de como escrever palavras. Este Acordo foi alvo de dois protocolos modificativos (em 2000 e em 2004), o último dos quais permite a adesão de Timor Leste e estipula que o Acordo pode entrar em vigor quando três países o ratificarem. O Acordo Ortográfico não altera a pronúncia de qualquer palavra. Não a cria nem elimina palavras. Simplesmente com o Acordo Ortográfico a grafia das mesmas passa a ser regulamentada nos países de língua portuguesa por uma única norma.

A propósito deste assunto Saramago disse algo interessante: “Gosto da minha língua tal qual a escrevo mas não posso impor a 150 milhões de pessoas os meus gostos pessoais… Mas recordo que aprendi a escrever mãe com “e”, depois mandaram escrever com “i” e depois voltaram a mandar escrever com “e”, quando a mãe era sempre a mesma.”

Deixo-vos o documento em pdf retirado da página de internet da Priberam e que explica o que vai mudar e o que se vai manter. Além disso, deixo-vos também o Portal da Língua Portuguesa onde poderão encontrar outros recursos.

Read Full Post »

Na Biblioteca Digital Camões encontra disponíveis um conjunto de textos e documentos de grande relevância cultural e linguística, tendo como principal critério a publicação de obras integrais, para leitura gratuita.

Relativamente aos títulos disponíveis, que vão de artigos académicos a livros, destacam-se  os 483 títulos na área da História, 44 títulos em língua e 137 em literatura. Há ainda outras áreas de interesse, como por exemplo, Estudos Literários/Crítica Literária, Educação, Infantil, Cinema e Arte.

Todas as obras estão em formato pdf.

Read Full Post »